Black Friday deve movimentar R$ 3,7 bilhões, segundo a CNC


Fonte: Diário do Comércio
Categoria: Comércio
24/11/2020

Placa de preço em vitrine, com o texto "Black Friday"

Por Redação DC

A Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC) estima que a Black Friday de 2020 movimentará R$ 3,74 bilhões, o que resultaria no maior faturamento desde que a data foi incorporada ao calendário do varejo nacional, em 2010.

Confirmada a previsão da CNC, haverá um aumento de 6% em relação a 2019 (R$ 3,67 bilhões) – descontada a inflação, o crescimento real das vendas, em comparação com igual período do ano passado, deverá ser de 1,8%.

O avanço do comércio eletrônico desde o início da pandemia do novo coronavírus é apontado pela Confederação como determinante para que a Black Friday seja a primeira data do varejo a registrar crescimento real neste ano.

“Em 2020, mais do que em qualquer outra edição, a Black Friday deverá expor a diferença de desempenho entre as lojas físicas e as lojas on-line”, afirma o presidente da CNC, José Roberto Tadros.

Ele projeta avanço real de 61,4% nas vendas exclusivamente on-line, em relação à Black Friday de 2019.

Já as lojas físicas deverão apresentar avanço de apenas 1,1%, em comparação com o ano passado.

Clique aqui e leia o artigo completo!

Imagem: montagem


Voltar

CONHEÇA TAMBÉM OUTRAS SOLUÇÕES

Imagem serviço
Imagem serviço
Imagem serviço
Imagem serviço
Imagem serviço
Imagem serviço
Imagem serviço